«

»

abr 04

Imprimir Post

Cientistas renomados explicam por que são fãs de "The Big Bang Theory"

Confira as principais fofocas globais, Cientistas renomados explicam por que são fãs de "The Big Bang Theory" veja todos os detalhes aqui.

  • BBC Brasil

    O pesquisador Fernando Roig diz que série "desmistifica" a Ciência

    O pesquisador Fernando Roig diz que série “desmistifica” a Ciência

Se a série The Big Bang Theory tivesse um fã-clube aqui no Brasil, um de seus fundadores seria o astrônomo Fernando Roig. O pesquisador do Observatório Nacional é daqueles que não perde um episódio sequer.

Se por acaso acredita que não vai chegar em casa a tempo de assisti-lo na segunda à noite, deixa gravando. Quando a série é lançada em DVD, compra a temporada completa para rever tudo de uma vez – no melhor estilo binge watching, como é chamado o costume de assistir a vários episódios de uma só vez.

Não satisfeito, Fernando ainda gosta de colecionar itens relacionados à produção da Warner. Como a camiseta com o bordão “Bazinga!” do personagem Sheldon Cooper e uma estatueta em resina dele.

“O legal da série é que ela tira a aura de seriedade que costuma pairar sobre os cientistas e ajuda a desmistificar a ideia de que a ciência é uma coisa chata”, acredita.

Se a ciência não é chata, The Big Bang Theory (TBBT, para os íntimos) muito menos. Em poucas palavras, narra as aventuras acadêmico-científicas de dois físicos – um teórico, Sheldon Cooper (Jim Parsons), e outro experimental, Leonard Hofstadter (Johnny Galecki).

Os dois trabalham no Instituto de Tecnologia da Califórnia (Caltech) e dividem um apartamento em Pasadena, na Califórnia. Integram a trupe a aspirante a atriz Penny (Kaley Cuoco), o engenheiro aeroespacial Howard Wolowitz (Simon Helberg) e o astrofísico Rajesh Koothrappali (Kunal Nayyar).

No fã-clube imaginário fundado por Roig, o astrônomo Alexandre Cherman, da Fundação Planetário, seria forte candidato a presidente. Admirador confesso de Sheldon, Leonard & cia, diz que, graças a eles, virou “cool” ser cientista. E credita boa parte do sucesso de TBBT ao seu rigor científico.

“Para uma série de comédia, é bem mais precisa do que muito filme sério de ficção, como Interestelar, de Christopher Nolan, e Gravidade, de Alfonso Cuarón. Mas, claro, licenças poéticas são necessárias e até bem-vindas. Se não, deixa de ser entretenimento e vira aula”, pondera.

Rigor científico

A matéria Cientistas renomados explicam por que são fãs de "The Big Bang Theory" foi originalmente publicado em http://tvefamosos.uol.com.br/noticias/bbc/2016/04/04/cientistas-renomados-explicam-por-que-sao-fas-de-the-big-bang-theory.htm

Link permanente para este artigo: http://hidracthair.com/produtos/cientistas-renomados-explicam-por-que-sao-fas-de-the-big-bang-theory/