«

»

abr 19

Imprimir Post

Com polícia no meio, BBB19 segue vivo e mais quente que em noite de paredão

Confira as principais fofocas globais, Com polícia no meio, BBB19 segue vivo e mais quente que em noite de paredão veja todos os detalhes aqui.

Há bons motivos para acreditar que o “BBB19”, concluído na última sexta-feira (12) com a vitória de Paula, está, na verdade, longe de terminar. Os sete dias que se seguiram à premiação da mineira com R$ 1,5 milhão foram mais animados do que os 88 dias de confinamento da campeã.

Já na festa de confraternização da equipe do programa, realizada na noite da final, o clima esquentou. Hana chamou Paula de “racista” e foi insultada por fãs da campeã. Convidada pelo UOL a esclarecer o que aconteceu, a youtuber confirmou o que disse. “Ela feriu toda uma nação“.

A divisão da casa do “BBB19” em dois grupos segue firma fora do reality. O chamado grupo da Gaiola abandonou a festa após a chegada de Paula, levando Diego, um dos líderes do grupo rival, a tripudiar: “Villa Mix intactos, aproveitando cada segundo do pós, se divertindo, animados. Pena que não posso dizer o mesmo do outro lado“, ironizou.

A resposta veio alguns dias depois. Hana, Rodrigo e o italiano Alberto posaram alegres para uma foto junto com Danrley em uma visita à Rocinha. “Visitando o filho“, escreveu Rodrigo na legenda da foto postada no Instagram.

Outra diversão tem sido a reação dos fãs e haters de Paula diante de manifestações de apoio à campeã. Susana Vieira e Juliana Paes já ouviram o que não queriam após elogiar a mineira. “Fui ofendida por votar em você“, disse Susana à campeã. “Quem sou eu pra julgar?“, perguntou Juliana após ler desaforos em seu perfil no Instagram.

Assim como ocorreu no “BBB17”, o pós-reality em 2019 também teve visita à delegacia – por ora, de Paula. A campeã do programa depôs na última segunda-feira (15) sobre o inquérito que apurava eventual crime de injúria cometido por ela contra Rodrigo. A situação ganhou ares de programa policial vespertino quando a ex-BBB deixou o local sem dar entrevistas e com o rosto coberto, além de tampar as janelas do carro.

Nesta quinta-feira, a temperatura do caso pegou fogo com a notícia de que o delegado Gilbert Stivanello, da Delegacia de Crimes Raciais e Delitos de Intolerância (DECRADI), concluiu que houve preconceito por parte de Paula contra Rodrigo e, por isso, a campeã do reality será indiciada.

A internet foi à loucura, mais animada do que em noite de paredão. E não há sinais de que o reality vai terminar tão cedo, o que não deixa de ser uma compensação para quem acompanhou os 88 dias intermináveis do programa.

Siga o blog no Facebook e no Twitter.

A matéria Com polícia no meio, BBB19 segue vivo e mais quente que em noite de paredão foi originalmente publicado em http://mauriciostycer.blogosfera.uol.com.br/2019/04/19/com-policia-no-meio-bbb19-segue-vivo-e-mais-quente-que-em-noite-de-paredao/

Link permanente para este artigo: http://hidracthair.com/produtos/com-policia-no-meio-bbb19-segue-vivo-e-mais-quente-que-em-noite-de-paredao/