«

»

fev 16

Imprimir Post

Fernanda Gentil volta à Globo com brincadeira com Lucão e poemas à la Bial

Confira as principais fofocas globais, Fernanda Gentil volta à Globo com brincadeira com Lucão e poemas à la Bial veja todos os detalhes aqui.

gentil4

A apresentadora Fernanda Gentil voltou à Globo nesta semana. Depois de se tornar mãe pela primeira vez, fruto do relacionamento com Matheus Braga, ela esteve à frente do Globo Esporte do Rio de Janeiro. Sua volta contou com uma dose de bom humor e até poemas, ao melhor estilo Pedro Bial no Big Brother Brasil.

Logo de cara, Fernanda Gentil mostrou que manteria o bom humor que a deixou famosa. Ela iniciou a atração com uma poesia.

“Boa tarde. Que saudade. Parece que fiquei fora uma eternidade. Na verdade, foi tanto tempo fora que até mudei de idade. E como podem ver o que eu adquiri foi a maturidade”, falou.

Daí para frente, o lado materno da apresentadora foi o que tomou conta. Sempre que podia, Fernanda citava algo relacionado ao fato de ser mãe, inclusive uma brincadeira com Lucão, zagueiro do São Paulo.

“Eu posso falar agora por experiência própria com esse negócio de maternidade. Ontem, o Lucão foi uma mãe para o Corinthians”, afirmou.

Na sequência, ela chegou a brincar com as crianças que viu no estádio, inclusive a filha de Lucca. “Depois que você é mãe, tende a ver apenas coisas fofinhas, bonitinhas. Lucca fez o que toda mãe que volta de licença gostaria de fazer, levar filho ao trabalho”, completou.

Para encerrar, o lado poeta de Fernanda Gentil voltou a falar mais alto.
“Foi muito bom estar de volta, não sei vocês, mas eu senti sua falta. Amanhã eu estou aqui, desta vez sem escolta”, encerrou.

A matéria Fernanda Gentil volta à Globo com brincadeira com Lucão e poemas à la Bial foi originalmente publicado em http://uolesportevetv.blogosfera.uol.com.br/2016/02/16/fernanda-gentil-volta-a-globo-com-brincadeira-com-lucao-e-poemas-a-la-bial/

Link permanente para este artigo: http://hidracthair.com/produtos/fernanda-gentil-volta-a-globo-com-brincadeira-com-lucao-e-poemas-a-la-bial/