«

»

nov 16

Imprimir Post

16 conselhos para quem vai fazer a transição capilar

Dicas de como cuidar da saúde, 16 conselhos para quem vai fazer a transição capilar confira todos os detalhes aqui.


Cada vez mais mulheres tomam a decisão de fazer a transição capilar, deixando a química no passado e dando um alô para os seus cachos.

Assumir os cachos é mais do que simplesmente mudar o visual do cabelo, é aceitar o seu cabelo natural reconhecendo a sua beleza e poder.

Vivemos um momento em que as mulheres cacheadas estão mais representadas na moda, TV, cinema, indústria de cosméticos entre outros segmentos.

Para quem deseja passar pela transição para voltar a ostentar os seus cachos naturais vamos dar 16 conselhos que são muito importantes.

Infelizmente, o processo não é tão simples e pode ser complicado atravessar essa fase, mas saiba que ver seu cabelo poderoso novamente não tem preço.

Então vamos começar com as dicas?

Conselhos importantes para quem vai fazer a transição capilar

Conselhos importantes para quem vai fazer a transição capilar

1 – A mudança não acontece do dia para a noite

Ao decidir retomar os cachos é necessário deixar de fazer química (relaxamento, alisamento ou qualquer outro tipo) e esperar que cabelo sem esses agentes cresça.

Nesse período a mulher tem duas possibilidades, a primeira é aprender a conviver com duas texturas diferentes na cabeça (parte alisada + novo cabelo com textura cacheada que está nascendo) ou então cortar bastante as madeixas e aguardar que atinja o comprimento desejado.

O cabelo apresenta a média de crescimento de 1,5 a 2 cm por mês de maneira que pode levar entre 1 e 2 anos para que a cacheada veja os seus fios renovados, durante esse período estará na transição.

Além disso, nessa fase pode ser que o cabelo novo nasça rebelde.

Veja Também: Transição capilar: como voltar a ter cabelo cacheado

2 – Texturize as pontas dos fios

Quem passou anos fazendo química para alisar o cabelo já deve ter usado chapinha na raiz para igualar as texturas.

A dica nesse processo de transição é fazer o oposto, mantenha a raiz na textura ondulada/cacheada e texturize o comprimento liso.

Você pode fazer isso com finalizadores como gel ativadores de cachos, basta passar o produto nas mãos e amassar as madeixas.

Também é possível usar outras técnicas prender os fios em minicoques para depois soltar e formar cachos.

Veja Também: Transição Capilar: deixe os cachos reinarem novamente!

3 – Faça mais hidratações

Para fazer a transição capilar ser uma fase mais tranquila para os seus fios é importante fazer mais hidratações, pois as madeixas precisam de agentes emolientes mais do que nunca.

Aposte na compra de produtos especiais para essa etapa de cuidados com o cabelo, algumas marcas já desenvolveram opções interessantes.

Veja Também: 6 receitas caseiras para hidratar cabelos afros

4 – Lave menos vezes o cabelo

Enquanto os fios estão lisos é normal lavá-los todos os dias porque a oleosidade é maior, porém, nessa fase de transição capilar você perceberá que o cabelo passará a ficar mais ressecado.

Lave as madeixas menos vezes para não retirar a sua oleosidade natural e assim possibilitar que ele fique bem hidratado.

Veja Também: 9 coisas surpreendentes que podem acontecer se você parar de lavar o cabelo

5 – Mantenha o corte em dia

Se você não quer cortar muito comprimento de uma vez só deve fazer visitas regulares ao cabeleireiro.

Com isso você acelera a saída dos fios com química e possibilita que o crescimento das suas madeixas aconteça com mais saúde e tranquilidade.

Cortar as pontas todos os meses você terá um impacto menor para retirada do cabelo alisado.

Veja Também: 10 inspirações de cortes lindos para cacheadas

6 – Penteie os cachos no banho

Depois de ter os fios lisos durante tanto tempo pode ser difícil se readaptar as formas corretas de tratar os seus cachos.

Uma dica para quem deseja manter os seus cachos com a forma natural é pentear as madeixas somente no banho.

Quando você penteia os cachos secos acaba retirando a sua forma.

Use pentes e escovas com dentes largos para conseguir melhores resultados.

Veja Também: 16 Penteados fantásticos para cabelos cacheados e curtos

7 – Adote a técnica Low Poo (produtos sem sulfato)

Os sulfatos são substâncias presentes na composição de shampoos que tem como função remover a sujeira e oleosidade do cabelo.

Contudo, quem tem cabelo cacheado precisa dessa oleosidade para que os fios fiquem melhor hidratados.

A dica para fazer a transição capilar ser mais benéfica para os cachos é apostar na técnica low poo que consiste em usar produtos sem sulfatos.

Muitas marcas já contam com opções desse tipo de produto.

Veja Também: Os 8 melhores Shampoos Sem Sulfatos

8 – Você não precisa de um cronograma capilar

Ao pesquisar como fazer a transição capilar você perceberá que muito se fala sobre o chamado cronograma capilar que consiste em elaborar uma lista de ações para nutrir, hidratar e reconstruir os fios.

O problema é que esse tipo de tratamento é muito específico para cada tipo de cabelo.

Somente se dedique a fazer um cronograma capilar se você tiver a possibilidade de ser acompanhada por um profissional cabeleireiro de confiança.

Se você não tem orçamento para isso, saiba que basta investir em produtos sem sulfatos e boas máscaras de hidratação para ter um cabelo cacheado poderoso.

Veja Também: Máscara de hidratação caseira para cabelos cacheados

9 – Aprenda a conviver com o frizz

Você já parou para pensar que o frizz nada mais é do que fios novos?

Pois, então você não deveria se aborrecer tanto com a presença dos fios espetados, não é mesmo?

Contudo, se isso realmente te tira do sério você pode usar produtos como géis ou antifrizz spray.

Veja Também: 7 dicas para tratar o cabelo cacheado ressecado e devolver o brilho aos cachos

10 – Saiba que vai gastar mais com produtos para cabelo

Prepare o seu orçamento para produtos capilares, pois será necessário investir em mais produtos para hidratar e devolver o volume as madeixas.

O preço dos produtos para cacheadas pode ser um pouco mais alto também.

Uma forma de evitar um rombo financeiro é fazer uma pesquisa de onde encontrar os melhores produtos mais baratos.

Veja Também: Os 6 melhores shampoos para cabelos cacheados

11 – Esteja preparada para o volume

Um dos fatores que fez com que os alisamentos químicos se tornassem tão populares, é que muitas mulheres tem a impressão de que os cachos são muito volumosos e se assustam com isso.

Para começar quando seu cabelo voltar ao estado natural você perceberá que ele é bem menos cheio do que você imaginava e em segundo lugar essa característica é o que deixa os fios cacheados tão bonitos.

Aceite o volume como algo positivo para as suas madeixas.

Veja Também: Como Controlar o Volume dos Cabelos Ondulados

12 – Deixe seu cabelo secar naturalmente

Numa fase de ‘desintoxicação’ capilar, em que você está deixando a química no passado, é interessante guardar o secador e a chapinha a sete chaves.

Deixe que seu cabelo seque naturalmente, isso contribui para aumentar o volume dos seus cachos.

Além disso, as fontes de calor são bastante prejudiciais a hidratação das madeixas que é uma prioridade nesse momento.

Veja Também: 5 dicas para você ter cachos definidos e volumosos

13 – Pesquise dicas de penteados para o cabelo de transição

O YouTube está recheado de vídeos de blogueiras que estão passando pela transição e que ensinam tutorais de penteados para quem está nessa fase.

Você pode aprender a como variar o visual mesmo com duas texturas no cabelo ou mesmo reaprender a como cuidar dos seus cachos.

Muitas mulheres começaram a química ainda na adolescência e nunca souberam como manter os cachos.

Veja Também: 5 penteados para quem tem cabelo cacheado

14 – Evite fazer comparações dos seus cachos com os de outras mulheres

Nessa fase de recuperação dos cachos é natural que você fique na expectativa de ver como o seu cabelo vai nascer e comece a fazer comparações com os cachos de outras mulheres.

Um conselho importante é não fazer isso uma vez que pode ser frustrante já que ninguém tem um cabelo exatamente igual ao de outra pessoa.

Para evitar decepções num período que é tão conturbado não faça comparações desnecessárias.

Veja Também: 7 truques para domar os cachos e realçar a beleza dos cabelos cacheados

15 – Não escute comentários maldosos

Infelizmente ainda vivemos numa sociedade que tem preconceito com tudo, inclusive cabelo cacheado e crespo.

Se você convive com pessoas que não estão preparadas para a felicidade capilar alheia esteja pronta para não ouvir nenhum comentário maldoso sobre as suas madeixas.

Deixe que o veneno dos outros entre por um ouvido e saia pelo outro.

Veja Também: 8 privilégios que só quem tem cabelo crespo conhece

16 – Tenha metas

Um dos conselhos mais importantes para quem vai fazer a transição capilar é estabelecer metas.

Você pode colar na parede do seu quarto fotos antigas suas com o seu cabelo natural ou fotos de famosas com cabelo cacheado parecido com o seu.

A ideia é que você olhe para essas imagens sempre que estiver querendo desistir e voltar para a química.

Nesse período de transição é natural que o cabelo não fique exatamente bonito e isso pode ser um golpe forte contra a autoestima.

Depois de ler essas dicas, especiais para quem vai fazer a transição capilar, você está preparada para assumir os seus cachos?!

Veja Também: 5 passos para deixar os cabelos cacheados lindos

O artigo 16 conselhos para quem vai fazer a transição capilar foi originalmente publicado em http://www.sitedebelezaemoda.com.br/16-conselhos-para-quem-vai-fazer-a-transicao-capilar/

Link permanente para este artigo: http://hidracthair.com/saude/16-conselhos-para-quem-vai-fazer-a-transicao-capilar/