«

»

fev 01

Imprimir Post

7 maneiras de emagrecer sem cortar o carboidrato da dieta

Dicas de como cuidar da saúde, 7 maneiras de emagrecer sem cortar o carboidrato da dieta confira todos os detalhes aqui.


O carboidrato é considerado um dos maiores vilões das dietas e, por isso, não é muito raro que ele seja constantemente banido dos cardápios fitness de quem busca perder peso e entrar em forma.

Porém, se privar de carboidratos pode ser um grande erro e prejudicar a sua saúde.

Isso porque o carboidrato é fonte de energia, sendo extremamente necessário para que você tenha disposição para exercer as atividades do dia a dia (inclusive enfrentar os treinos da academia) sem se sentir cansado e fadigado.

Mas o que fazer, neste caso, se você quer emagrecer, mas não deve banir o carboidrato da dieta?

Trazemos a seguir 7 maneiras de emagrecer sem cortar o carboidrato da dieta, assim, perder peso sem grandes sacrifícios. Confira:

Veja Também: Os 7 melhores carboidratos para emagrecer

7 maneiras de emagrecer sem cortar o carboidrato da dieta

1 – Substitua suas fontes de carboidrato tradicionais por versões integrais

O maior problema dos carboidratos são suas versões refinadas, caso de alimentos à base de farinha branca, por exemplo.

O mesmo vale para o arroz polido.

Por isso, substitua esses alimentos por suas versões integrais.

Os alimentos integrais, como o caso do arroz, são mais ricos em fibras e saciam mais rápido do que o polido, que precisa ser ingerido em maiores quantidades para produzir o mesmo efeito.

Além disso, as fibras são importantíssimas para o bom funcionamento do intestino, o que também colabora para o emagrecimento.

Mas cuidado!

Fique atenta e leia as embalagens dos alimentos antes de comprá-los nos supermercados.

Isso porque muitos produtos ditos integrais (como pães e biscoitos) possuem farinha branca na composição.

Então, leia a lista de ingredientes e prefira sempre os produtos que utilizem apenas farinha integral ou que tenham este ingrediente como o primeiro da lista, o que indica que ele se encontra em maior quantidade na receita.

Veja Também: 8 carboidratos que não podem faltar na sua dieta

2 – Consuma carboidratos com baixo índice glicêmico

Outra maneira de emagrecer sem cortar o carboidrato da dieta é inserir fontes de carboidratos com baixo índice glicêmico, como a bata doce e aveia na sua dieta.

Esses alimentos liberam o açúcar aos poucos no sangue, fazendo seu metabolismo trabalhar sem pausa, aumentando a sensação de saciedade e diminuindo a vontade de comer mais carboidratos depois de um período curto de tempo.

Veja a lista de outros carboidratos amigos da sua dieta:

  • Quinoa:

Livre de glúten, a quinoa possui baixo índice glicêmico, acelerando a níveis extraordinários o seu metabolismo.

  • Aveia:

Rica em vitaminas, fibras, proteínas, cálcio e ferro, a aveia é um excelente aliado da dieta, pois mantém o corpo saciado por muito mais tempo, fazendo com que você não sinta tanta fome ao longo do dia.

  • Grão de Bico:

Rico em ferro e proteínas, o grão de bico também é composto por triptofano, enzima responsável pela produção de serotonina que nos dá aquela deliciosa sensação de alegria e bem-estar.

Tal fenômeno é capaz de controlar a ansiedade que nos faz comer fora de hora e por compulsão.

  • Tapioca:

Com baixíssimo índice glicêmico, a tapioca é uma opção excelente para substituir o tradicional pãozinho no café da manhã.

Cuidado, apenas com recheios calóricos.

  • Amaranto:

Pesquisadores concluíram que o amaranto possui os nutrientes de um dos pratos mais tradicionais da mesa dos brasileiros: o arroz com feijão.

Rico em carboidratos de baixo índice glicêmico, o amaranto ainda conta com boas doses de aminoácidos e proteínas.

Por não modificar o sabor dos alimentos, pode ser adicionado a qualquer prato, especialmente saladas e sopas.

  • Milho:

Rico em fibras, o milho tem a capacidade de preservar todos os seus nutrientes quando consumido in natura, o que o torna um excelente substituto de carboidratos simples.

Também te ajuda a manter a saciedade por longos períodos, uma vez que é rico em fibras.

  • Abóbora:

Apesar de ser altamente nutritiva, a abóbora quase não possui calorias, o que a torna um excelente alimento à base de carboidratos para a sua dieta.

O melhor ainda, é que a abóbora pode ser consumida tanto na forma salgada quanto doce.

Então, quando bater aquele desejo de comer guloseimas, misture a abóbora à canela em pó (termogênico) e mate na hora sua vontade de doces.

As sementes da abóbora torradas também se transformam em deliciosos snacks para o intervalo entre as refeições.

Veja Também: 5 receitas sem carboidrato para você comer sem culpa

3 – Coma em quantidades pequenas

A maioria das dietas recomenda que se faça refeições de três em três horas, justamente para que o metabolismo esteja sempre acelerado e para que você não ingira grandes quantidades de alimentos após longos períodos de jejum, condicionando o cérebro a armazenar o máximo de calorias possível e dificultando o emagrecimento.

O ideal é comer fracionadamente, em pequenas quantidades, o que te fará sentir menos necessidade de ingerir carboidratos refinados e açúcar ao longo do dia.

Veja Também: Carboidratos: Saiba quanto comer para emagrecer

4 – Mastigue bem os alimentos

Comer devagar é a melhor solução para você se saciar com menos quantidade de comida e uma das maneiras mais eficazes de emagrecer sem cortar o carboidrato da dieta.

Segundo pesquisas, 20 minutos é o tempo que as enzimas digestivas começam a trabalhar para te dar a sensação de saciedade.

Faça o teste e confira os resultados na balança.

Veja Também: Perca mais peso ao combinar a dieta cetogênica com mediterrânea e detox

5 – Faça lanchinhos saudáveis entre as refeições

Apesar dos carboidratos oferecerem rápida saciedade, é muito importante que você mantenha uma alimentação rica em nutrientes e outras fontes de vitaminas, como proteínas, zinco, magnésio e ômega 3.

Por isso, mantenha snacks por perto, como castanhas, amêndoas e iogurtes e evite cair em tentação durante o dia.

Veja Também: Receitas de lanches saudáveis para o verão

6 – Foque nos seus objetivos

Sempre que bater a ansiedade e a vontade de abrir o armário e devorar um pacote inteiro de biscoito recheado, pense nas razões que te levaram a entrar uma dieta e nos benefícios à sua saúde decorrente da alimentação saudável e balanceada.

Reflita todas as vezes que for se alimentar, pensando se aquele alimento é mesmo a melhor opção para a sua dieta.

Isso ajudará você a evitar impulsos e se arrepender assim que terminar a refeição.

Veja Também: 8 alimentos que contém muito açúcar e você nem imagina

7 – Faça atividades físicas

As atividades físicas regulares, não só são essenciais para o processo de emagrecimento, como também controlam os níveis de cortisol, conhecido como o hormônio do estresse, que provoca o acúmulo de gordura e altera o paladar, fazendo com que você faça escolhas ruins no prato, dando preferência à gordura, ao sal e ao açúcar.

Para evitar que isso ocorra e que seus esforços vão por água abaixo, exercite-se, pelo menos três vezes por semana e tenha boas noites de sono.

Veja Também: Os 9 melhores exercícios para perder peso

O artigo 7 maneiras de emagrecer sem cortar o carboidrato da dieta foi originalmente publicado em http://www.sitedebelezaemoda.com.br/7-maneiras-de-emagrecer-sem-cortar-o-carboidrato-da-dieta/

Link permanente para este artigo: http://hidracthair.com/saude/7-maneiras-de-emagrecer-sem-cortar-o-carboidrato-da-dieta/